Em carta enviada a diversas entidades do governo a SBMN resgata todo caminho percorrido até aqui para chegar a uma solução razoável para o transporte de insumos essenciais à especialidade, deficiência enfrentada neste momento de pandemia.

Além de agradecer o apoio prestado, a carta expõe com dados e infográficos uma fotografia do cenário atual, focando no transporte de geradores de tecnécio, Iodo-131 e FDG, principalmente em regiões de difícil acesso, como Norte, Nordeste e Centro-Oeste.

A Sociedade solicitou apoio para ações integradas entre os órgãos para que seja otimizada a operação e levando-se em conta o destino e periodicidade  destes voos. A Diretoria da SBMN, mais uma vez, colocou-se à disposição para construir soluções para tais demandas.

Share on facebook
Share on google
Share on twitter
Share on linkedin