Diretoria da SBMN se reúne com representantes do IPEN para discutir planos para MN

15 mai 2018

Representantes do Instituto de Pesquisas Energéticas e Nucleares (IPEN) se reuniram com a diretoria da SBMN para discutir métodos atuais relacionados à Medicina Nuclear. Durante a reunião, foi abordada a falta de MDP, pesquisas sobre PSMA/PET e como a Sociedade Brasileira de Medicina Nuclear pode contribuir para melhorar o quadro.

“Foi abordada a falta de MDP e isso foi apontado como uma situação para coordenar decisões da ANVISA junto à CNEN e ao IPEN para abastecimento do mercado. Vão tratar essa demanda em Brasília usando o exemplo da saída da RPH no fornecimento de MDP no Brasil, sobrecaindo tudo no IPEN, que não tem condições para absorver todo o mercado”, explica o presidente Juliano Cerci.

Diante desse cenário foi decidido que a SBMN irá auxiliar nas decisões da Agência Nacional de Vigilância Sanitária (ANVISA) juntamente com a Comissão Nacional de Energia Nuclear (CNEN) e o IPEN, por sua vez, no abastecimento do mercado.

Além disso, os estudos sobre PSMA e Lutécio serão coordenados pela SBMN, baseado no protocolo anterior. Instituições de saúde poderão participar, enviando os trabalhos científicos.